Ana Cristina César

12:36
Inomináveis Saudações a todos vós, leitores virtuais. Uma poetisa genuinamente segura em seus versos do poder de lancinantemente emociona...
Tecnologia do Blogger.