Luis Royo: Um Pequeno Tributo A Um Grande Mestre



Inomináveis Saudações a todos vós, leitores virtuais!

Falar em Luis Royo é, para mim, relembrar o inicio de minha navegação no mundo virtual. Lá pelos idos de 2006, me encontrava em busca de artistas inovadores, de peso, essência e profundidade. E, logo de cara, me deparei com Boris Vallejo, Julie Bell e Luis Royo, este artista espanhol que conquistou totalmente a minha alma. Inspirador de diversos textos e poemas meus com suas estonteantes imagens cheias de magia, poder e simbolismos explosivos em todos os sentidos e direções, ele se tornou, para mim O ILUSTRADOR. Sem querer menosprezar os demais artistas do gênero, ele, para mim, é o melhor de todos por, simplesmente, praticar todo tipo de arte com a mesma beleza e verdade autenticamente possíveis apenas aos Grandes Gênios.

Esta postagem é uma Ode ao trabalho deste fantástico e fenomenal artista. Emolduro e eternizo aqui minha admiração por este que continuará sendo o que mais traduz ao meu olhar o significado do Sublime. Se você aí, leitor virtual, ainda não conhece o trabalho dele, então, agora, passe a conhecer um pouco do mesmo.

E que todos, por igual...

APRECIEM SEM MODERAÇÃO!!!













































































































































































0 Loucas Pedras Lançadas: